quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

VIDEO DA SEMANA - O LADRÃO QUE MANDOU CHAMAR A POLÍCIA


Tiririca visita Câmara e diz já saber o que faz um político


O deputado federal Tiririca visita seu futuro local de trabalho. Foto: Elaine Lina/Terra
O deputado Tiririca visita seu futuro local de trabalho
Foto: Elaine Lina/Terra

O deputado federal eleito com maior número de votos no País, Francisco Everardo Oliveira Silva, o Tiririca (PR-SP), chegou por volta das 14h desta quarta-feira na Câmara dos Deputados, em Brasília, para conhecer seu futuro local de trabalho. A jornalistas, o deputado disse que já aprendeu o que faz um político e acrescentou: "E vou aprender mais com os colegas". Em sua campanha, o então candidato afirmava não saber o que faz um deputado federal, mas pedia votos para descobrir e contar aos seus eleitores.
Respondendo a perguntas da imprensa sobre se era a primeira vez que visitava o Congresso Nacional, o deputado afirmou: "é a primeira de muitas". "Graças a Deus, estou sentido como se estivesse em casa", disse, ao ser questionado sobre como se sentia na chegada ao local onde trabalhará a partir de 2011.
A visita do deputado provocou tumulto na entrada da Câmara devido ao grande número de integrantes da imprensa que Tiririca atraiu. Funcionários do Congresso também pararam para ver a passagem do eleito pelas dependências da Casa.
Perguntado se manteria a ingenuidade e a ironia de seu personagem, Tiririca disse que isso "não vai mudar", mas acrescentou que política "é coisa séria" e que, por isso, estava vestindo terno e gravata. "No momento, eu sou político", afirmou.
Jornalistas também questionaram o deputado a respeito da proposta de aumento de salário dos parlamentares, que está sendo discutida hoje na Câmara. "Cheguei com sorte. Acho bacana, acho legal", afirmou. Sobre o assédio da imprensa em sua chegada, o eleito disse só ter visto algo semelhante na época do sucesso da música Florentina.
A diplomação de Tiririca e dos deputados eleitos no Estado de São Paulo está marcada para o dia 17 de dezembro, e a posse, para o dia 1º de fevereiro, em Brasília.
MPE acusa Tiririca de fraudar declaração
O deputado foi acusado pelo Ministério Público Eleitoral de São Paulo (MPE-SP) de fraudar a declaração de alfabetização entregue no momento do registro da candidatura. Submetido a uma prova de alfabetização. O MPE afirma que o humorista é analfabeto e especula que o texto tenha sido redigido pela mulher do eleito.
Em 11 de novembro, o deputado chegou a ser submetido a um teste de leitura e ditado, quando demonstrou "um mínimo de intelecção do conteúdo do texto, apesar da dificuldade na escrita", segundo o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SP). No início do mês, ele foi absolvido da acusação pela Justiça Eleitoral. A Promotoria recorreu da decisão.

Por: CLAUDIA ANDRADE Direto de Brasília

Associação e Movimento Comunitário Aliança, em Arcoverde ganha Prêmio Patativa do Assaré

Foto: Roberto e Romero Cavalcanti, respectivamente Secretário e Diretor Administrativo da Associação Aliança

           O Ministério da Cultura publicou  no dia 14/12 no Diário Oficial da União (Seção 3, página 19) a portaria com os projetos aprovado no EditalPrêmio Mais Cultura de Literatura de Cordel 2010 – Edição Patativa de Assaré.  Ao todo, o MinC recebeu 688 inscrições e habilitou 617. Foram selecionadas 200 iniciativas culturais vinculadas à criação e produção, pesquisa, formação e difusão da Literatura de Cordel e linguagens afins (xilogravura, repente, coco e embolada, entre outras) com premiação total de R$ 3 milhões. Trata-se do primeiro apoio oficial do MinC ao setor, desde a regulamentação da profissão em janeiro deste ano.  Dos habilitados na primeira fase, destaque para os estados do Ceará (158 inscritos), Pernambuco (125) e São Paulo (82)  que enviaram a maior quantidade de projetos. O diretor de Livro, Leitura e Literatura do MinC, Fabiano dos Santos Piúba, explica que o prêmio é resultado das demandas apresentadas no Seminário de Políticas Públicas para Cordel, realizado em maio de 2009. “Esse prêmio vem atender a necessidade de ressaltar a Literatura de Cordel e linguagens afins como patrimônio imaterial do Brasil, entendendo sua unicidade e papel central na construção da identidade e da diversidade cultural brasileira”, diz.


            A categoria voltada para a Criação e Produção (apoio à edição e reedição de folhetos de cordel, livros, CDs e DVDs) foi a que recebeu a maior quantidade de inscrições: 323 propostas, sendo 284 habilitadas. Os estados do Ceará (85 inscritos), São Paulo (42) e Rio Grande do Norte (29) foram os que enviaram a maior quantidade de projetos nesta categoria. A Associação Aliança garantiu a sua conquista nesta categoria e ficou com a 5ª melhor nota do estado de Pernambuco e entre as 10 melhores notas do Brasil, nesta categoria.
            Na categoria destinada à Pesquisa (dissertações de mestrado, teses de doutorado ou reedição de livros) foram inscritos 27 projetos, sendo quatro inabilitados. O Ceará foi o estado com a maior quantidade de pesquisas inscritas: sete.
            O MinC recebeu 116 propostas para a categoria de Formação (projetos que contribuam para a formação de profissionais que atuam em áreas que dialogam com a Literatura de Cordel e suas linguagens afins, como cursos, seminários, etc), habilitando 109.  Nesta categoria, o estado de Pernambuco foi o que enviou a maior quantidade de projetos (24), seguido do Ceará (22) e Rio Grande do Norte (11).
            A categoria de Difusão (eventos e produtos culturais que contribuam para a valorização e propagação da cultura popular, como feiras, mostras, festivais e outras iniciativas) foi a segunda com maior quantidade de inscrições:  217. Deste total, 201 foram habilitados. Pernambuco (49 inscritos), Ceará (44) e São Paulo (26) foram os estados com maior quantidade de projetos enviados nesta categoria.
           Em Arcoverde a Associação e Movimento Comunitário Aliança pretende promover a Literatura de Cordel na região, estimulando sua produção e divulgando o resultado de suas oficinas em todo a região do sertão do Moxotó, através de jornal, internet e rádio comunitária.
 O prêmio é uma das ações do Programa Mais Cultura, que inclui a cultura na agenda social do País e é pautado na integração e inclusão de todos os segmentos sociais, na valorização da diversidade e do diálogo com os múltiplos contextos da sociedade. 

Postado por Roberto e Romero

TOME UMA ATITUDE CONTRA O MOSQUITO

CONFIRA FOTOGRAFIAS DE UMA DAS SETE MARAVILHAS DE PERNAMBUCO