quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Sobreviventes do acidente que comoveu o País nascem outra vez e buscam o que sobrou de suas bagagens


Como tudo que acontece nesta vida existe determinadas situações que nem tudo está perdido e milagres sempre acontecem, o acidente da BR 116 no último sábado ficou marcado não somente nas historias das grandes tragédias no País, como também  uma perca de 32 pessoas da mesma cidade, mais não foi somente o lado ruim do acontecimento trágico,  do outro lado  podemos dizer que Rafael dos Santos, 19 anos e Gilmarks Alves da Silva 20 anos nasceram de novo,  e nessa nova vida tem uma historia pra contar, segundo Rafael estava dormindo na madrugada de sábado e numa fração de segundos depois de ter sido  jogado pra fora a mais de 03 metros de dentro do ônibus acordou já quando funcionários da Via Bahia chegava com o socorro, em meio a uma nevoa branca tentou se levantar mais não teve força suficiente dai pensou consigo Meu Deus o Que foi que aconteceu, olhou de um lado e viu  apenas  centenas de corpos espalhados no meio da pista, emocionado perguntei a Rafael  você ainda pensa em voltar? Ele me respondeu com um olhar vago cheio de tristeza mesmo que tenha uma casa cheia de dinheiro não voltarei mais lá. 

Dezenas de malas e bolsas espalhadas no clube, cenas de cortar o coração, entre tantas uma chamava a atenção, uma boneca sem braço em cima de uma bagagem seria o presente de Natal que o pai  vinha trazendo para  sua filha e não pode entregar, dezenas de pessoas  ainda atônitas buscavam os pertences, uma senhora viajou horas de Lagoa do Ouro no vizinho Estado das Alagoas  ao reconhecer a bagagem de seu marido desabafou  viajei horas pra chegar até aqui  por que nessa mala está as lembranças  felizes de nossas vidas cheias de sentimentos e dor.

Foi montado uma logística operacional pelo representante do IML do Estado,  o Comandante  Flávio para a entrega dos objetos aos familiares das vítimas, já o  Deptº. Jurídico da Prefeitura Municipal coordenado pela sua representante Drª.  Marta Andrade  irão ficar de plantão até serem  entregues  os últimos objetos as famílias, que além de toda assessoria necessárias   podem contar com um Auditor Fiscal do Ministério do Trabalho na pessoa  do profissional  Naldenis Martins  que ficará a disposição prestando os esclarecimentos necessários nas questões trabalhista  aos sobreviventes e as demais famílias das vítimas. É necessário frisar todo serviços que está sendo oferecidos como Direitos Trabalhistas, Seguro DPVAT, Pensão entre outros é gratuitamente, quaisquer informações adicionais e só entrar em contato com Drª. Marta Andrade na Sede da Prefeitura Municipal de Buíque.

Com Informações: Giro Social B
Postado por: Blog Buíque & Cia

TOME UMA ATITUDE CONTRA O MOSQUITO

CONFIRA FOTOGRAFIAS DE UMA DAS SETE MARAVILHAS DE PERNAMBUCO