segunda-feira, 2 de abril de 2012

Tumulto e protesto na porta da Secretária de Ação Social e Cidadania de Arcoverde


O caos na saúde em Arcovede está instalado há algum tempo, a prova disso é odescaso em que se encontra o atendiemento a popupalção.
Desde a  noite de ontem, 01/04, centenas de pessoas já estavam na porta da Secretaria de Ação Social e Cidadania, em busca de fichas para atendimento médico. O Jornal Tribuna da Região, fotografou crianças, adultos, gestantes e idosos que aguardam há meses uma vaga para ultrassonografia, mamografia, exames ginecológicos e outros. Por volta das 6 da manhã já tinha cerca de 350 pessoas. Para se proteger do frio da madrugada na calçada da secretaria as pessoas trazem de casa colchão, papelão e até lençois. Por volta das 8 horas, um funcionário da secretaria entregou cerca de 70 fichas. A insatisfação da população aumentou quando pessoas que não estavam na fila foram atendidas. As pessoas que não conseguiram fichas se deslocaram pelas ruas da cidade e com gritos de ordem cobravam justiça, respeito e saúde de mais qualidade.
 Na prefeitura, os funcionários orientaram os manifestantes para irem a Secretaria de Saúde. Já na Secretaria de Saúde, que ficou pequena devido a quantidade de pessoas, uma comissão conversou com o secretário, Dr. Adilson Valgueiros, falou da dificuldade da saúde em Arcoverde e informou que o município estar organizando uma central de atendimento para acabar com as filas. Neste momento, os manifestantes retornaram a Secretaria de Ação Social e aguardam a presença de da secretária , Neriane Cavalcanti, que é esposa do prefeito Zeca Cavalcanti.
Os manifestantes também prometeram formalizar denúncia no Ministério Público de Pernambuco.
A mobilização foi expontânea e não contou com a presença de nenhuma liderança política da cidade. Vale embrar que o prefeito de Arcoverde é um médico.

TOME UMA ATITUDE CONTRA O MOSQUITO

CONFIRA FOTOGRAFIAS DE UMA DAS SETE MARAVILHAS DE PERNAMBUCO