terça-feira, 7 de janeiro de 2014

Criança de 10 anos morre afogada em barragem na zona rural de Buíque

Um menino de 10 anos morreu afogado neste domingo (5) em uma barragem no Sítio Cafundó, zona rural de Buíque, no Agreste de Pernambuco. De acordo com informações da Polícia Militar, ele e outras duas crianças estavam às margens da barragem. Ao avistar alguns patos na água, o menino decidiu entrar para pegá-los, mas não conseguiu retornar.
Segundo a PM, o menino não sabia nadar. Uma das crianças ainda entrou na água na tentativa de salvá-lo, mas não conseguiu. A polícia informou também que algumas máquinas limparam recentemente o rio e por isso ele estaria mais fundo do que o normal.
O corpo da criança foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru, também no Agreste, e em seguida foi sepultado no cemitério de Buíque.

CAMINHONEIRO FOI ASSASSINADO PRÓXIMO DE UM POSTO DE GASOLINA EM CAETÉS

O camioneiro Madson da Silva Sena, estaria viajando juntamente com seu primoEmerson Nogueira de Souza, se deslocando em um caminhão Ford Cargo carregado de estacas de madeira do Estado do Ceará com destino à Garanhuns-PE, quando na madrugada desta terça-feira (7) pararam às margens da BR-424 em Caetés-PE, próximo do Posto de combustíveis Frei Damião para fazer um conserto na parte de iluminação do veículo. Pouco depois, surgiu um indivíduo desconhecido e sem haver qualquer reação por parte da vítima, efetuou aproximadamente quatro disparos de arma de fogo na vítima e logo evadiu-se do local.
Este é o segundo homicídio do mês no município e 5º do ano na “Área Integrada de Segurança 18″, (AIS 18) que corresponde a 20 cidades do Agreste Pernambucano. A Polícia Civil já iniciou as investigações. 

Vereador de Tupanatinga faz ameaças em redes sociais de renunciar mandato se caso houver provas contundentes de algumas acusações

O recesso Legislativo na cidade de Tupanatinga ainda nem terminou e antes de iniciarem seus trabalhos na Câmara Municipal mais ou menos já se pode dizer numa linguagem jornalisticamente falando que a chapa vai esquentar. Tudo isso por  que não há mais uma arma tão poderosa  nesse mundo quanto a internet e suas redes sociais,  por que em fração de segundos uma opinião ou conversa que deveria ser privada basta um "Enter", para se tornar publica e, o pior, uma bomba chiando que a qual quer momento poderá explodir de um lado ou de outro.

Usando o nome do  grupo oposicionista denominado de G6, composto por seis vereadores Tupanatinguenses, uma fake denominado de Tonho do Óleo, abriu uma discussão nada agradável sobre a atual gestão, que de repente  já está tomando outras dimensões e, envolvendo os usuários do facebook, principalmente os da cidade que levou diante das acusações ao vereador Regis da Saúde ameaçar diante dos internautas renunciar seu cargo se comprovado for sua participação nas acusações de conveniência com supostos desvios de verbas.

Acompanhe aqui o texto corrigido escrito pelo próprio vereador.
“    Regis Da Saúde estou aqui pronto pra renunciar um mandato que o povo me deu,caso alguém mostre que tenho envolvimento,com desvio de verbas publicas ou algum que venha denegrir minha imagem,isto pronto pra trabalha junto a o povo.

TOME UMA ATITUDE CONTRA O MOSQUITO

CONFIRA FOTOGRAFIAS DE UMA DAS SETE MARAVILHAS DE PERNAMBUCO