quarta-feira, 5 de junho de 2013

Eduardo defende regras para criação de municípios


O governador Eduardo Campos (PSB) defendeu nesta quarta-feira (5) "regras claras, e não regras frouxas" para a criação de 500 ou mais municípios no Brasil. "Isto poderá significar somente mais gasto público e redução das políticas públicas na vida dos que mais precisam. [...] Há ainda o perigo de se abrir processo de criação de municípios de forma eleitoreira e oportunista", alertou.

O debate e criação de novos municípios não devem ocorrer, segundo ele, em período próximo de eleições e se deve ter o cuidado de não criar-se a ilusão de que com um novo município a vida das pessoas irá melhorar.

"Estamos vivendo uma tremenda crise econômica mundo afora e o Brasil luta todos os dias para retomar o seu crescimento. A situação fiscal vem ficando cada dia mais dura para os municípios brasileiros e não vamos achar que criar mais municípios vai resolver os problemas da população."

De acordo com o governador, o mais importante é o debate estratégico para fortalecer os municípios que já existem e que precisam qualificar suas máquinas públicas, uma vez que muitos deles têm dificuldade para oferecer serviços como creches, posto de saúde e coleta de lixo adequada.

Eduardo concedeu entrevista depois de anunciar o Plano de Aplicação para o Desenvolvimento Sustentável, que contará com R$ 205 milhões provenientes da compensação ambiental por grandes empreendimentos instalados no Estado.

Ao lado de Eduardo, FBC libera R$ 107 milhões para Adutora do Agreste - Benefício para Buíque também

Foto: Eduardo Braga/divulgação
Para garantir a oferta de água em Pernambuco, o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho (PSB), autorizou nesta terça-feira (4), Ordem de Serviço no valor de R$ 107 milhões para início das obras da Adutora do Agreste. A solenidade contou com a presença do governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB).

O ministro Fernando Bezerra Coelho disse, em Pesqueira, que a obra da Adutora do Agreste faz parte das iniciativas realizadas pelo Governo Federal para dotar Pernambuco de uma infraestrutura hídrica que vai possibilitar a melhor convivência com as secas recorrentes na região. “Essa obra vai mudar a história econômica dessas cidades”, afirmou o ministro da Integração Nacional.

O empreendimento é considerado o maior sistema integrado de abastecimento de água da América Latina e deve receber, até março de 2015, cerca de R$ 1 bilhão em investimento do governo federal por meio do Ministério da Integração Nacional. A obra vai permitir, quando concluída, que mais de 2 milhões de moradores de 68 cidades da região e 80 distritos do entorno recebam água de qualidade para o consumo. A água será captada no canal do Eixo Leste do Projeto de Integração do Rio São Francisco. "Essa ordem de serviço confirma que as águas do Rio São Francisco têm data para chegar", disse o ministro Fernando Bezerra Coelho.

A adutora, que terá 118 km de tubulações em sua primeira etapa, terá início no município de Arcoverde. Em seguida, a obra segue para as cidades de Pesqueira, Sanharó, Belo Jardim, Tacaimbó, São Caetano e Caruaru, no Agreste. De acordo com o cronograma de execução, os municípios pernambucanos de Buíque, Tupanatinga, Itaíba, Águas Belas e Iati serão os próximos a serem beneficiados.

No total, a Adutora do Agreste terá 1.300 km de extensão e será executada pela Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), responsável também pela construção do Ramal do Agreste, outra obra coordenada pelo Ministério da Integração Nacional no estado.

Investimentos recentes em Pernambuco - O esforço do Governo Federal para garantir a segurança hídrica aos pernambucanos foi reforçado recentemente com o aporte de recursos pelo Ministério da Integração Nacional - para obras já em andamento no estado.

Entre os empreendimentos que receberam novos investimentos nos últimos dias estão: Adutora do Pajeú (R$ 180 milhões), Barragem Serro Azul (R$ 46 milhões), Barragem Guabiraba (R$ 15,4 milhões), Sistema Siriji (R$ 7,5 milhões) e Barragem de Igarapeba (R$ 4,4 milhões).

TOME UMA ATITUDE CONTRA O MOSQUITO

CONFIRA FOTOGRAFIAS DE UMA DAS SETE MARAVILHAS DE PERNAMBUCO