segunda-feira, 6 de julho de 2015

BUÍQUE REALIZA A 5ª CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE SAÚDE

A PREFEITURA MUNICIPAL DE BUÍQUE, através da Secretaria Municipal de Saúde e Conselho Municipal de Saúde, realiza na próxima segunda feira, dia 13 de julho a partir das 08 horas, a V Conferência Municipal de Saúde, com o objetivo de discutir e formular as propostas para a 15ª Conferência Nacional de Saúde. O tema escolhido para esta conferência foi: “Saúde Pública de qualidade para cuidar bem das pessoas: Direito do Povo Brasileiro” e com o objetivo de valorizar os Profissionais de Saúde do Município a Enfermeira Cristiane Maria Duarte será homenageada na Conferência Municipal de Saúde.

A Conferência, que será realizada no Auditório da Escola Municipal Engenheiro Klaysson de Freitas, será aberta no dia 13 de Julho às 08 horas, com a presença da Sociedade Civil, Trabalhadores em Saúde, Usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), gestores, prestadores de serviço do SUS e demais autoridades, será presidida pela Secretária de Saúde de Buíque, Fernanda Camêlo dos Santos.

Durante todo o dia haverá palestras e debate dos eixos temáticos com participação de Técnicos da Secretaria Estadual de Saúde e Municipal de Saúde.
“Contamos com a sua presença neste evento, traga sua opinião para fortalecer o SUS e colaborar com a saúde da população Buiquense”.


Fernanda Camêlo dos Santos

Secretária Municipal de Saúde

CONFIRA AS MOBILIZAÇÕES JÁ REALIZADAS COMO PRÉ CONFERÊNCIA


Policiais rodoviários federais entregam cargos de chefia

Diário de Pernambuco
Policiais Rodoviários Federais de Pernambuco que desempenham atividades internas da Polícia Rodoviária Federal (PRF) entregam cargos e funções de chefia, e pedem para retornar às atividades externas — nas rodovias — da PRF. Os policiais exigem a implementação da reestruturação do Departamento de Polícia Rodoviária Federal (DPRF). O ato será realizado nesta segunda, às 14h, na sede da Superintendência Regional da PRF, situada à Av. Antonio de Goes, 820, Pina.
A manifestação do Sindicato dos Policiais Rodoviários Federais em Pernambuco (SINPRF-PE) é mais um passo da Campanha de Reestruturação de 2015 – Valorizar o policial rodoviário é preciso – organizada pela Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FenaPRF) e seus sindicatos filiados e serve de alerta contra o recente posicionamento do Tribunal de Contas da União (TCU) e orientação do Ministério Público Federal do Distrito Federal (MPFDF). O TCU e MPFDF querem retirar a aposentadoria especial dos policiais rodoviários federais que desempenham as atividades internas, extremamente necessárias e complementares ao trabalho do policial que atua diretamente nas rodovias federais.
Segundo o sindicato, o acórdão 1829/2014 do TCU tenta retirar dos policiais o direito à aposentadoria “especial”. O tribunal alega que os policiais precisam comprovar 20 anos de efetiva atividade estritamente policial, desconsiderando a natureza perigosa do cargo. Pela regra, após 30 anos de serviço, sendo pelo menos 20 em cargo policial, o servidor tem direito à aposentadoria por atividade de risco.  Para o SINPRF/PE a atividade de risco, que dá o direito à aposentadoria especial ao policial, está legalmente vinculada à LC 51 e é atrelada ao cargo exercido.

Sport supera seu melhor início na Série A e tem último algoz pela frente

Equipe bate campanha de 1985, quando foi derrotado apenas na 11ª rodada. Última derrota do rubro-negro ocorreu justamente para o Atlético-MG, próximo desta 4ª feira
Por Maurício Penedo
Recife
Baptista: "É hora do Sport jogar um jogo deste tamanho" (Foto: Aldo Carneiro / PE Press)
O gol de André, aos 46 minutos do segundo tempo diante do Avaí, fez com que o Sport alcançasse sua melhor marca na história do Campeonato Brasileiro da Série A. São 11 jogos sem perder - seis vitórias e cinco empates - marca que supera o ano de 1985. Naquele ano, o time foi derrotado pelo Mixto-MT por 2 a 1 em seu 11º jogo. Em todas as participações do clube na Série A, é o maior período de invencibilidade do rubro-negro na competição.
Superando todas as outras campanhas anteriores, o Leão galgou também outro número importante. O time, empatado com América-MG, Bangu, Atlético-PR e São Paulo, entrou no Top10 das maiores invencibilidades do futebol brasileiro na primeira divisão. São 18 partidas sem perder. A liderança é do Botafogo que, entre 1977 e 1978, ficou 42 partidas sem ser derrotado. Curiosamente, o segundo colocado é o Santa Cruz. Em período parecido ao do clube carioca, o Tricolor ficou 35 jogos sem perder.
Na era dos pontos corridos (a partir de 2003), a maior sequência de invencibilidade é a do Corinthians. Foram 19 partidas, nove em 2010 e dez em 2011. A última derrota da equipe de Eduardo Baptista ocorreu no dia 25 de outubro de 2014, justamente diante do Atlético-MG, pela 31ª rodada. O Galo, por sinal, é o próximo adversário do Leão, na próxima quarta-feira, no Mineirão. 

TOME UMA ATITUDE CONTRA O MOSQUITO

CONFIRA FOTOGRAFIAS DE UMA DAS SETE MARAVILHAS DE PERNAMBUCO