sexta-feira, 28 de outubro de 2011

CRIANÇAS E FOGO UMA DUPLA PERIGOSA


Mais um grande artigo do Prof.João Vales, desta vez abordando segurança contra incêndio relacionado as crianças pequenas, que podem ser grandes causadores de incêndio, esse artigo traz orientações básicas de como conscientizar, educar e treinar as crianças no tema.


As crianças formam um dos grupos com maior risco de morte em incêndios residenciais. Em casa as crianças principalmente do sexo masculino, gostam de brincar com o fogo, com isqueiros, fósforos e outros materiais combustíveis, nos quartos, roupeiros (closets) e debaixo das camas. São nesses lugares os conhecidos esconderijos em que existem muitas coisas que podem pegar fogo facilmente .Os meninos de todas as idades provocam um grande numero de incêndios por ano. Mais de 30% dos incêndios em que morrem crianças são provocados por meninos brincando com o fogo.
Por ano mundialmente morre uma grande quantidade de crianças com idades compreendidas entre os 3 e os 9 anos de idade em incêndios residenciais (nos estados unidos morrem cerca de 800 crianças por ano).


MENINOS CURIOSOS TENDEM A PROVOCAR INCÊNDIOS
Os meninos menores de 5 anos têm uma forte curiosidade pelo fogo. Em geral o que começa por uma exploração do desconhecido pode culminar em tragédia. Frequentemente as crianças que provocam incêndios não recebem uma orientação adequada quanto aos perigos do fogo, nem uma supervisão dos pais e professores. E em consequência reincidem em seu comportamento de provocar incêndios.

PRATIQUE COM SUA FAMILIA  A SEGURANÇA CONTRA INCENDIOSSupervisione de perto as crianças pequenas. Não os deixe sós nem por breves períodos.
Devemos sempre guardar fósforos e isqueiros em lugar seguro e fora do alcance das crianças. Revistar debaixo de camas e em guarda roupas para verificar a existência de fósforos queimados, sendo esse um dos principais indícios que a criança brinca com o fogo.

Ensine sua criança que o fogo não e um brinquedo e sim uma ferramenta muito poderosa.

Faça com que suas crianças avisem no caso de encontrarem fosforosos ou isqueiros perdidos pela casa.

Guarde fósforos e isqueiros numa gaveta ou armário trancado por chave.

Mostre às crianças a natureza do fogo. Mostre que ele e VELOZ, MUITO QUENTE, BRUTAL E MOTRIFERO!

Ensine as crianças a não se esconderem em caso de incêndio, e sim a sair rapidamente de onde quer que estejam e pedir ajuda. ensine ainda como chamar os bombeiros e a importancia de evitar trotes.

Elaborem um plano de fuga para executar em caso de incêndio e pratique-o com suas crianças e estabeleça um ponto de encontro na rua.

Mostre as crianças como se arrastar pelo chão por debaixo da fumaça para sair de casa e escapar em caso de incêndio.

Mostre como jogar-se ao chão e rodar caso as roupas peguem fogo. E lembre-se de praticar esse procedimento pelo menos uma vez por mês.

Profº  João Vales, Técnico em prevenção e combate a inêndio. Especialista em SPDA, NR 10, NR 33Instrutor de Técnicas verticaisTècnico em emergencia médica (T A T) Formaçao internacional pela Federaçao de Bombeiros do Distrito de Setúbal (Portugal).
Diretor técnico da Academia de Bombeiros Civis do Agreste e Sertão. (SELAV EMERGENCY)

Foto: Francisco Carlos


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Acesse o melhor conteúdo e matérias atualizadas dos fatos e acontecimentos de Buíque e região. Buíque & Cia - O melhor portal de notícias da cidade!

TOME UMA ATITUDE CONTRA O MOSQUITO

CONFIRA FOTOGRAFIAS DE UMA DAS SETE MARAVILHAS DE PERNAMBUCO