sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Fantástico anuncia matéria especial sobre transposição nesse domingo


Fantástico anuncia matéria especial sobre transposição nesse domingo
Domingo (20), o Fantástico mostra uma investigação especial sobre a maior obra de infraestrutura no Brasil: a transposição do Rio São Francisco, planejada para levar água ao Nordeste, que enfrenta uma das piores secas da história.
O projeto se arrasta há cinco anos. Atrasos e superfaturamento já fizeram o preço da obra saltar de R$ 4,5 bilhões para mais de R$ 8 bilhões. E ainda: nossos repórteres encontraram dutos rachados e até um túnel que desabou. É mais uma reportagem da série ‘Brasil: quem paga é você’.

Acidente mata Hugo Santos gerente do Bradesco Arcoverde


Morreu na madrugada desta sexta-feira (18), por volta das 3:15 da manhã, em um acidente de carro no Km 231,6 da BR 232 na altura de Mimoso, o gerente da agência do Bradesco Arcoverde, Hugo Melo Rodrigues Santos de 26 anos.
Segundo informações do caminhoneiro envolvido no acidente, o gerente pegou a contramão da estrada no seu Celta e aparentemente havia perdido o controle do carro que zigue zagueava na pista.

O motorista do Celta e o do caminhão foram socorridos para o Hospital Municipal de Pesqueira, mais Hugo não sobreviveu.

Hugo estava voltando de uma aula da saudade da sua turma de Administração a pouco cursada.

O velório e enterro será na cidade de Tupanatinga.

Em PE, 121 municípios estão em situação de emergência


Estiagem prolongada atinge mais de 1 milhão e 281 mil pessoas no estado.
Meteorologistas esperam chuva no interior do estado até o fim de semana.

Mais de 1,28 milhão de pessoas sofrem com a estiagem prolongada em Pernambuco. De acordo com o Governo do Estado, 60 cidades do Agreste, 56 do Sertão e cinco da Zona da Mata estão em situação de emergência, totalizando 121 municípios em todo o estado. Oito já estão com pedidos encaminhados e sob análise: Gravatá, João Alfredo, Limoeiro, São Joaquim do Monte, Catende, Ferreiros, Macaparana e Vicência.

De acordo com Patrice Oliveira, meteorologista da Agência Pernambucana de Águas e Climas (Apac), é possível que a chuva se aproxime do Sertão a curto prazo. "Esperamos boas chuvas no semiárido e em parte do Sertão do estado até o final de semana", conta. Com relação ao período de chuvas propriamente dito, que costuma se estender até março no interior do estado, as notícias já não são tão boas. "Teremos um período de chuvas irregular. É preciso esperar que a Zona de Congergência Intertropical, sistema que faz chover nesta época do ano, comece a agir para poder analisar. É possível que tenhamos chuva abaixo da média", relata.

"A situação é realmente muito difícil", diz o diretor de regulação da Apac, Sérgio Torres. "Há uma conjunção de forças do Governo Federal e Estadual para minimizar os efeitos da estiagem", explica.

De acordo com o diretor, algumas obras de adutoras já estão em andamento para abastecimento no interior do estado. "Até o início de fevereiro, a adutora do Pajeú deve começar a funcionar e ajudar a cidade de Serra Talhada. Até julho, deve chegar também a de Afogados da Ingazeira. Outras adutoras, como a de São José do Egito, devem estar prontas e ativas até o fim do mês", destaca.

Chuva demais

O período de chuvas acontece durante o verão no Nordeste, quando os raios solares estão praticamente perpendiculares. "O mar acumula calor durante o dia e à noite traz umidade para o continente, potencializando as chuvas de madrugada e de manhã bem cedo", explica Patrice Oliveira. "É por isso que chamamos de chuvas de verão, pancadas de chuva", completa.

"Em 2010, tivemos uma cheia muito forte", conta o diretor-presidente da Apac, Marcelo Asfora. "As chuvas foram muito intensas, mas não foram muito acima da média. Todo ano, a Apac monta a Operação Inverno, onde monitoramos o comportamento dos rios, fazemos a previsão da chuva e emitimos avisos meteorológicos para que a Defesa Civil possa agir em casos de risco, tanto em deslizamentos de morro como enchentes", conclui Asfora.

COMEÇA O CAMPEONATO PERNAMBUCANO


Começa no próximo domingo, dia 20, o Campeonato Pernambucano 2013 da primeira divisão. Nessa primeira rodada jogam Ypiranga contra Chã Grande (este o estreante na competição), Central versus Porto, Serra Talhada enfrenta o Petrolina e Pesqueira desafia o Belo Jardim. 

O Santa Cruz, que venceu em 2011 e 2012 não joga na abertura do certame, assim como Salgueiro, Sport e Náutico. O timbu, único pernambucano na série A do brasileirão, não ganha um título estadual há 9 anos.

Além dos grandes times da capital, participam do Pernambucano equipes de Caruaru, Pesqueira, Santa Cruz do Capibaribe, Belo Jardim, Chã Grande, Serra Talhada, Salgueiro e Petrolina. Uma pena que mais uma vez Garanhuns fica de fora dessa festa.

TOME UMA ATITUDE CONTRA O MOSQUITO

CONFIRA FOTOGRAFIAS DE UMA DAS SETE MARAVILHAS DE PERNAMBUCO