sexta-feira, 13 de maio de 2011

ERNANI NETO TOMA POSSE MAIS UMA VEZ NA CÂMARA DE BUÍQUE


Na condição de suplente do partido, tomou posse mais uma vez na Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores de Buíque, na última quarta-feira dia 11, o jovem suplente vereador Ernani Peixoto Cavalcanti Neto, por uma decisão da Juíza da Comarca de Buíque Exma. Drª. Mônica Wanderley. O vereador empossado assumiu na vaga do seu falecido pai, o ex-vereador TIL (in memoria). O mesmo já vem a alguns dias lutando pela vaga que antes era da Srª. Rosy Santos, suplente da coligação. Segundo fomos informados agora pouco, a mesma já entrou com recursos para voltar assumir sua cadeira, e garante que irá voltar.


Texto e foto: Francisco Carlos
Postado por: Buíque & Cia

HISTÓRIA DE BUÍQUE, SEUS POVOS, SUAS TRIBUS E SUA EMANCIPAÇÃO


Buique

O município de Buíque começou a ser povoado em 1752, quando ficou conhecido como Campos de Buíque. O nome do local tem origem na linguagem Tupi e significa "Lugar de Cobras". Os naturais de Buíque têm outra versão para a origem do nome - os índios que habitavam essa região utilizavam uma trombeta cujo som produzido se assemelhava ao nome da cidade.Buíque foi elevado à categoria de vila em 1854, com a denominação de Vila Nova do Buíque, desmembrado de Garanhuns. Em 19 de Dezembro de 1874, Buíque, foi elevada à categoria de cidade em 1899. GEOGRAFIA - Localiza-se a uma latitude 08º37'23" sul e a uma longitude 37º09'21" oeste, estando a uma altitude de 798 metros. Sua população estimada em 2010 era de 51.990 habitantes. Possui uma área de 1345 km². O escritor alagoano Graciliano Ramos foi um morador célebre da cidade. O município está incluído na área geográfica de abrangência do semiárido brasileiro, definida pelo Ministério da Integração Nacional em 2005[6]. Esta delimitação tem como critérios o índice pluviométrico, o índice de aridez e o risco de seca. RELEVO - Grande parte do municípío está localizado no Planalto da Borborema. No centro do município há áreas inseridas na Depressão Sertaneja e a noroeste do município, áreas inseridas nas Bacias Sedimentares. HIDROGRAFIA - O município de Buíque está nos domínios da Bacia Hidrográfica do Rio Ipanema. Os principais tributários são o rio Ipanema e o rio Cordeiro, e os riachos: do Cafundó, Mimoso, do Xicuru, do Brejo, Salgado, do Pilo, Catimbau, Ilha, do Mororó, Piranha, dos Negros, Queimadas, Cajazeiras, Mulungu, Umburaninha, do Jaburu, do Cágado, das Pedrinhas, Barra, do Pinto, Ipueiras, das Cabras, Caldeirão e dos Martins, todos intermitentes. O município conta ainda com o açude Mulungu, com capacidade de acumulação de 1.280.953 m³.

DISTRITOS E POVOADOS 
  
Buíque é um município brasileiro do estado de Pernambuco. Administrativamente, Buíque é formado pelos distritos sede, Carneiro, Catimbau e Guanumbi e pelos povoados de Tanque, Amaro, Riachãoe e Aldeia Indígena Kapinawa. 


ÁREA INDÍGENAS

 Localiza-se no município de Buíque a Terra Indígena Kapinawá, do povo Capinauá, homologada pelo Decreto de 11.12.98. A terra indígena ocupa 12.403 ha. Desde 2003, o povo indígena têm como Chefe de Posto Expedito Macena Alves. O VALE - O turismo da cidade vem se destacando no cenário nacional principalmente devido a região do Parque Nacional do Catimbau. O vale conta com formações rochosas singulares e tem sido cenário de vários filmes nacionais. A paisagem do local conta com a fauna e a flora típicas da caatinga


----------------------------------------------------------------------------------------

História Política de Buíque
A História Política do Município tem o seu início juntamente com a criação do mesmo em 12 de Maio de 1854, nesta época os lideres locais com certeza já vinham pleiteando este feito, o desmembramento de Garanhuns. No dia 16 de Abril de 1855, foi instalado O primeiro Conselho Municipal (Câmara de Vereadores). Para reger O Município de Vila Nova de Buique, Assinaram o Termo de Juramento e posse os Vereadores:

José Albuquerque Cavalcanti (Presidente)
Thomás de Aquino Cavalcanti
Manuel Camelo Pessoa Cavalcanti
Ivo Rodrigues Lins de Albuquerque
José de Carvalho de Araújo Cavalcanti
Bento Leite Benício Cavalcanti
João Hipólito de Souza.

E assim se sucederam outras Câmaras no Período Colônial, até a primeira eleição para prefeito em 1892 já no período republicano que teve O Vigário João Ignácio como o primeiro prefeito de Buique, e Manoel Pessoa Cavalcanti como Sub-Prefeito (vice).


Vigário João Ignácio de Albuquerque - Primeiro Prefeito de Buíque

Luiz Gonzaga

Lista de todos os prefeitos de Buique:

Vigário João Ignácio de Albuquerque (1892-1895)
Ten. cel. Manoel Rodrigues Andrade (1895-1898)
Ten. Cel. José Gomes dos Anjos (1898-1901)
Vigário João Ignácio de Albuquerque (1901-1904)
Ten. cel. Antonio Cavalcante de A. Melo (1904-1907).
Tem. Cel. Manuel Rodrigues de L. Olbrado ( 1907-1910)
Francisco de França Monteiro (1910-1911)
Antônio Feitosa Pereira Lima (1912-1913)
José Batista de Souza (1913-1916)
Luiz de França Monteiro (1916-1917)
Francisco de França Monteiro (1919-1922)
José Batista de Souza (1922-1923)
Antonio Pereira Cavalcanti (1925-1928)
Francisco Cordeiro de Albuquerque (1928-1930)
Santos Araújo 1930
Manoel Batista de França 1930-1934  (interventor)
Osório de França Galvão 1934-1936  (interventor)
Tomás de Aquino Cavalcante 1937- (interventor)
Luiz Tenório Cavalcante 1938-  (interventor)
Dr. Solom Pereira de Araújo 1939-1940 (interventor)
Mário José de Carvalho 1940- 1941 (interventor)
José Nunes Vanderlei 1941-1942  (interventor)
Jerônimo de Souza Neto 1943-1947  (interventor)
Dr. José Cursino Galvão 1947-1951
Cel. Félix de França Monteiro 1952-1955
Cel. José Emilio de Mello 1956-1959
Jonas Camelo de Almeida 1959-1963
Dr. Blésman Modesto de Albuquerque 1963-1967
Aníbal Cursino de Siqueira 1967-1968
João de Godói Neiva 1969-1972
Aníbal Cursino de Siqueira 1973-1976
Dr. Blésman Modesto de Albuquerque 1977-1982
José Camelo Neto 1983-1988
Arquimedes Guedes Valença 1989-1992
Dr. Dílson de Souza Santos 1993-1996
Dr. Blesman Modesto de Albuquerque 1997-2000
Arquimedes Guedes Valença 2001-2008
Jonas Camelo de Almeida Neto 2009-2016

Prefeito Jonas Camelo de Almeida Neto e o vice Solano Tenório Camelo
Prefeito Jonas Camelo de Almeida Neto e o vice Miriam Briano Alves



MANIFESTAÇÃO DE PROFESSORES EM BUÍQUE


PROFESSORES REIVINDICAM DIREITOS

Os professores da rede pública de ensino de todo o País realizam no dia (11) uma parada de advertência em defesa do piso salarial nacional. A pesar do frio da temporada de inverno que se antecipa na cidade de Buíque e em quase todo o Nordeste, a menos de um dia das comemorações de Emancipação Política da cidade, professores da rede municipal de ensino através do SISMUB - Sindicato dos Servidores Municipais de Buíque, os professores e servidores municipais reunem-se em frente à Secretaria de Educação da cidade.


O principal motivo da parada concerne acerca de os profissionais em educação serem contra alguns argumentos apresentados pelo Conselho Nacional dos Secretários Estaduais de Educação (Consed). Em suma, os profissionais argumentam que o projeto do piso salarial é inconstitucional, pois ao impor um salário para todo o País, estaria ferindo assim, a autonomia dos Estados e municípios em pagar seus próprios servidores.Um outro motivo é em relação à jornada de trabalho. Conforme a lei, dois terços da jornada devem ser destinados para os professores fazerem uso em extra-regência, com elaboração de provas, reuniões pedagógicas, etc. Sendo assim, a carga horária de 40 horas ficaria dividida em 30 horas para sala de aula e o restante para a extra-regência.

Entenda

De acordo com a lei do piso, até 40 horas, os professores de ensino médio receberão R$ 950,00. "Como tudo na lei é interpretação, a Secretaria Municipal de Educação pode entender que os trabalhadores devem receber proporcionalmente ao que trabalham e possivelmente, se visto por essa análise, eles vão ganhar menos.

Ficou para as 08 horas da manhã do dia 11 de maio a concentração dos servidores e professores em Educação do Município de Buíque, em frente à Secretaria Municipal de Educação.

VOCÊS SABIAM QUE EM BUÍQUE FUNCIONA DUAS FACULDADES?


BUÍQUE RENASCENDO PARA EDUCAÇÃO
UNIVERSIDADE VALE DO ACARAÚ – UVA
FACULDADES INTEGRADAS DE PATOS- PB – FIP


Pois é amigo, esta é a verdade, só que os órgãos de comunicação da cidade não divulgam, e as autoridades não tomam conhecimento. A UVA com o curso de nível superior em Pedagogia e a FIP com cursos de Pós – graduação em: Gestão Educacional, Psicopedagogia e Educação Inclusiva, para nossa cidade é muito importante, evita que as alunas se desloquem para outras cidades.
As aulas funcionam na Escola Engenheiro Klaysson Araújo (antiga Recreação Infantil), 03 turmas com 44 alunos cada, 02 cursando o II período, e 01 cursando o I período em Pedagogia; temos alunos de Arcoverde, Tupanatinga e Buíque. Em 2009 concluiu uma turma de Pedagogia com 46 alunas todas de nossa cidade. Ano passado em 15 de outubro concluiu um turma com 42 alunos de Pós – Graduação em Psicopedagogia Institucional, e um curso de LIBRAS com 32 alunos de Buíque e Arcoverde formados pela FIP (Faculdades Integradas de Patos – PB). 
Tempos atrás quando as professoras queriam atualizar seus conhecimentos pedagógicos, teriam que ir a outros centros, como, Arcoverde, Garanhuns, Pesqueira ou Caruaru, hoje em nossa cidade tem os cursos citados para aqueles que desejam a área de Educação. Vale salientar que já temos professores formados na cidade nestas Faculdades cursando Mestrado e que passaram na seleção para professores da UVA, e já lecionam aqui, e em outros núcleos o que nos orgulha muito.
Antes quem quisesse fazer o curso de Pedagogia teria que ir para a cidade de Monteiro – PB, graças ao desempenho e confiança que a UVA e a FIP tem na professora Neide Bezerra, e o núcleo está crescendo.
Temos também, funcionando na mesma Escola 03 turmas com o Curso de Enfermagem sob a Coordenação da Enfermeira Magali, este curso para os agentes de saúde e pessoas que gostam da área de saúde.
Aproveito para convidar, os meios de comunicação da nossa cidade para que visite os cursos e procure conversar com os alunos a respeito das aulas e como funciona.
As aulas são aos sábados das 7:30 ás 17:00 horas.
OBS. Estão abertas inscrições para o vestibular da UVA, no mês de junho.
Estão abertas inscrições para os cursos de Pós-Graduação. 

Informações, telefone, 987 9928 92937

Buíque está de parabéns.

Com informação: Edvaldo Bezerra
Postado por: Buíque & Cia

TOME UMA ATITUDE CONTRA O MOSQUITO

CONFIRA FOTOGRAFIAS DE UMA DAS SETE MARAVILHAS DE PERNAMBUCO