quinta-feira, 8 de março de 2012

Matéria de primeira. Como andam as questões políticas de Buíque (CONFIRA)


Quem é a referência de oposição em Buíque? Pois é, tal questão permeia toda e qualquer análise acerca da política e da sucessão na cidade das sete maravilhas de Pernambuco.

As análises então partem do seguinte pressuposto: não há em Buíque uma oposição organizada, coesa e partidária que dignifique o nome. Não há na cidade uma referência com dimensão pública facilmente identificável pelos eleitores como opositor de Jonas Camêlo e da proposta administrativa por ele encabeçada.

Atentem para a lista de pré-candidatos até aqui exposta ao distinto público.

Um deles é Blésman Junior, o mesmo se diz candidato com planos melhores para um novo Buíque.  Apesar de morar fora da cidade ele é filho da terra e seu pai Blésman Modesto já passou por aqui com 3 mandatos e muita força, hoje todos sabem como anda seu nome na relação de políticos buiquenses.

Outro político que se coloca como candidato é o senhor Luiz Quincó, um sem-mandato com pouca voz para ser ouvido pelas massas e montado em um partido que perde força a cada dia. Assim também está o nome do pré-candidato Ezildo Barros.

No mercado político, fala-se muito na candidatura de oposição do ex-prefeito Arquimedes Valença. Seu maior problema é ser candidato, pelo fato do seu nome não estar muito bem na questão da Lei Ficha Limpa. Para ser candidato terá que gastar seus poucos recursos para colocar em dia e devolver aos cofres públicos as verbas desviadas segundo rejeições de contas no exercício de 2005 quando o mesmo foi prefeito.

Tem mais? Tem sim. Mirian Briano é também um nome forte para pleitear em 2012, mais, apesar do seu nome estar na lista dos pré, a mesma não está lá com essa força, pois nos dias de hoje o povo quer ver obras, realizações e projetos, não mais promessas.

Quem são os outros? Há um ou outro vereador se colocando como candidato. Aparentemente, político de fôlego baixo por não ter partidos e articulação social que lhe permita algo a mais. Falamos do vereador Daydson Amorim. Em entrevista recente ao Giro Social B, o mesmo se diz candidato a prefeito, será que anda?

Falam no Dr. Dilson Santos. Mas, pensem bem, há chances para um nome que deixou a população apavorada e a economia da cidade engessada? Sem obras, sem ações, sem professor, sem merenda, sem nada. A tendência é que ele se transforme em um político representante de corporações.

É por essas e por outras que, ao tratar da sucessão em Buíque, recaímos no mesmo argumento: quem vai ditar o ritmo e a dinâmica do processo é a continuidade ou o fim da grande aliança que junta o Governo Municipal e o Povo.

Se observarmos bem, todos os nomes acima citados saíram do grupo do ex-prefeito Arquimedes, nenhum do grupo de Jonas, como fica isso? Será que o barco da oposição navega? Ou será que vai a naufragar?

Veja uma pequena lista de opositores do grupo de Arquimedes que estão fora segundo boatos de candidaturas e rompimentos vistos:

Mirian Briano
Luiz Quincó
Ezildo Barros
Jardel Freire
Dôre do Amaro
Ronaldo Andrade
André de Toinho
Daydson Amorim
Leno Bodeiro
Blésman Modesto

Entre vários outros cabos eleitorais e personalidades políticas do município.

Deu no Blog VISÃO DO CATIMBAU (o prefeito Jonas é destaque no Catimbau para os estudantes)


Verdade seja dita:


 O prefeito Jonas Camelo em Catimbau, foi o melhor prefeito para os alunos, que na gestão anterior, o único transporte Escolar que existia era o famoso pau de arara, (popularmente falando) e os alunos que estudava no período da manhã teria que pegar carona, já tiveram transporte melhor, tiveram, mais, durante os quatro anos seguidos, só Jonas estar fazendo isto, e merece sim reconhecimento, afinal o ônibus transita de manhã, a tarde e noite dando aos pais de família tranquilidade e confiança por saber que seus filhos estão sendo bem conduzido até escola, ou seja com toda comidade e segurança que merece,  e tudo isto é Jonas Camelo.

O prefeito Jonas também tirou da gaveta a clínica odontológica, que estava engavetada pela gestão anterior, e hoje a vila do Catimbau tem uma clinica odontológica de primeira qualidade, graças ao governo Jonas.
A tradicional festa do mês de março em Catimbau, também foi restaurada com grandes palanques, trio elétrico com porte para cidade grande, três dias de animações, com as melhores bandas que já se apresentou no catimbau, bandas como Labaredas, Arreio de Ouro, Forró na Tora, Casca de Romã bem estruturada, tudo isto não deixa de ser também uma consideração do prefeito Jonas que ao contrário da gestão anterior, sempre deixou a desejar para nós a festa de março.

Catimbau também permanece com uma ambulância semi nova 2004 da fiat, coisa que a gestão anterior nunca fez,  Jonas mais uma vez mostra sua cara e respeito pelo nosso povo, mantendo além de melhorias na educação, transporte para socorrer o povo, isto durante todo o seu mandato.

FELIZ DIA INTERNACIONAL DA MULHER



Teus braços
Fortes braços
Num longo abraço
A me envolver
Teus lábios
Doces lábios
Fonte de beijos
Muitos beijos, pra me aquecer
Quanta coisa emana de ti, doce criatura
Amor...carinho...ternura
Tudo que me liga a teu ser, mulher
Tia...mãe...avó...
Irmã...neta...filha...
Guerreira...companheira...
Tu que me namoras, me compreendes
Que me incentivas, me repreendes
E jamais me deixas só.
Tu que és dar e receber,
Que com a mesma humildade
Sabes perdoar e esquecer.
Santa ou pecadora
Ingênua ou sedutora
Não importa! Serás sempre uma rainha
Uma intercessora...uma fada madrinha...
Aquela que na minha aflição, chamo
Luanna...Cícera...Juliana...Maria José...
A todas, admiro e amo
Santas criaturas
Anjos de candura
Simplesmente mulher!

As janelas do sobrado (POR: PAULO TARCISO) Confira em nosso blog.


As janelas do sobrado

Lançado no mês de setembro do vigente ano, no Centro Pastoral desta cidade, o livro do escritor e poeta buiquense PAULO TARCISO, é uma obra de fácil leitura, sem termos de difícil compreensão como tantos eruditos, narra, de forma clara, objetiva e carregada de emoções a vida do município de Buíque nos últimos 50 anos; em alguns momentos indo até mais além e mergulhando em décadas mais distantes, considerando algumas entrevistas com personalidades que fizeram parte da história da comuna. É um livro de leitura obrigatória, principalmente para a sociedade buiquense. Nesta obra você vai encontrar muitos dados sobre o município de Buíque, inclusive a relação de todos os prefeitos, desde a sua emancipação (alguns deles com fotos), relação de todos os juízes de Direito, desde a instalação da Comarca, relação dos presidentes da Câmara municipal de vereadores e dos promotores de justiça que exerceram seus cargos nos últimos 50 anos. Você vai ver também como eram as festas de carnaval, juninas e natalinas, vai relembrar dos parques infantis de seu Olegário, os clubes esportivos da cidade, os desfiles cívicos. 
Vai mergulhar no tempo e recordar os tempos áureos do Cine Nevada, que por um tempo pertenceu ao pai do autor, do Arizona Bar, que pertenceu ao empresário Miltinho Modesto, e também o Califórnia Drinks, que tinha como proprietário o popular Jurandir de João Grosso. O leitor vai se emocionar ao ler as entrevistas realizadas com populares como Cândido Leite Cavalcanti, Possidônio Domingos Ramos, que já partiram desta vida, e vai até aprender como cuidar melhor saúde através de remédios naturais, quando ler a entrevista do Sr. Filadelfo Pereira do Carmo, praticante da fitoterapia, que entre outras, foi um dos participantes do grupo teatral existente em Buíque em tempos áureos. Todas esse conteúdo o leitor terá o privilégio de conferir, vendo também centenas de fotos e ilustrações que retratam, de forma emotiva e real a vida política, cultural e social do município de Buíque. 

A obra tem o prefácio de DELSON CURSINO DE FREITAS, ex padre, fundador do Colégio Cardeal Arcoverde e da Faculdade de Formação de Professores de Arcoverde. Já a orelha da obra é de autoria do advogado, jornalista e escritor Dr. MANOEL MODESTO DE ALBUQUERQUE. O livro ainda contém notas dos ex-prefeitos BLÉSMAN MODESTO e ARQUIMEDES VALENÇA e da ex-professora do autor MARIA ANDRADE –D. LILIA, sem esquecer que consta ainda entrevistas com os ex-prefeitos Blésman Modesto, Aníbal Cursino de Siqueira, Arquimedes Guedes Valença, Dilson de Souza Santos e o atual governante Jonas Camelo de Almeida Neto, além de homenagens aos ex-prefeitos José Cursino e João de Godoy Neiva. VALE A PENA CONFERIR tudo isso, adquirindo o livro “AS JANELAS DO SOBRADO”, que está à venda na loja “AQUARELA”, localizada na praça Major França, centro de Buíque, e, em Arcoverde, na LIRA CULTURAL LIVRARIA, localizada na Praça da Bandeira, em fronte ao antigo Cine Bandeirantes. O preço da obra é apenas R$: 25.000 (vinte e cinco reais).

Confira o prefácio da obra:
P r e f á c i o
                                           Por Delson Cursino
             Os elogios, as homenagens e os favores são escritos na areia. As ofensas, as injúrias e os maus tratos são gravados na rocha”, reza o adágio popular. Os primeiros são apagados pela chuva e pelo vento; os segundos perduram por toda vida.
         Em “As Janelas do Sobrado”, o autor perpetuou em caracteres escritos a história dos que contribuíram, de alguma forma, para o engrandecimento, o progresso e o aperfeiçoamento do município de Buíque. A obra tornou permanentes e duradouros             “os  fatos narrados”, “as entrevistas feitas” e as “experiências pessoais”.
         É um livro de memórias, portanto, refere-se ao passado; mas é ao mesmo tempo, autobiográfico como afirma o autor ao escrever: “o que pretendo com esta obra é contar como era a minha vida, minha cidade, como viviam meus heróis”.
         A vida do dia-a-dia dos buiquenses; seus trabalhos e diversões; as casas de lazer: Cine Nevada, Califórnia Drinks, Arizona Bar (mostrando a forte influência norte americana); os negócios, o comércio e a vida econômica; as feiras livres, o intercâmbio com os distritos municipais e com os municípios vizinhos; as festas religiosas e sociais; as campanhas eleitorais e as eleições; os personagens do passado – in memoriam – dos quais destaco o senhor Mané de Liu- Manuel Batista de França - nomeado prefeito do município de Buíque, durante a Revolução de 1930, quando o escriba destas linhas ainda era criança; e também os personagens do presente, merecendo referência especial o senhor Filadelfo Pereira do Carmo – um homem da Paz – pela sua cultura enciclopédia e popular.
         Todo esse acervo de informações é narrado em linguagem simples, de forma coloquial com um grupo fictício de crianças, ao alcance de qualquer pessoa, sem prender-se aos rígidos códigos da fala erudita.
         Quero enfatizar as três (03) referências que o livro faz à estadia na cidade de Buíque do grande escritor brasileiro Graciliano Ramos, nascido em Quebrangulo – AL, a 27.10.1892 e falecido no Rio de Janeiro a 20.03.1953. Em sua obra autobiográfrica “Infância” de 1945, faz alusão ao fato. Teve que seguir a família em sua mudança para Buíque onde pernameceu por alguns anos. Com justiça, o município homenageou-o, inaugurando uma biblioteca que leva seu nome. 
         Como arremate da obra, o autor exibe a relação dos membros dos três poderes, desde a emancipação política do município até os dias atuais, fornecendo informações valiosíssimas aos que se interessarem pela história política, administrativa e jurídica da COMUNA. 
         É um livro divertido e de fácil leitura, recomendável aos que desejam conhecer melhor a cidade de Buíque.

Vice-prefeito de Águas Belas sofre atentado


O vice-prefeito de Águas Belas, Agean Tenório (PSB), foi vítima de atentado, na noite do último sábado (03), em Curral Novo, um dos distritos do município. Após voltar das festividades em homenagem ao padroeiro do distrito, São Sebastião, juntamente com familiares, Tenório foi abordado por dois homens.

O atentado, segundo boletim de ocorrência registrado pelo vice-prefeito na delegacia da cidade, foi presenciado pelo vereador Maurício de Josué, que estava acompanhado da guarda municipal e nada fez para impedir a agressão dos dois rapazes ao vice-prefeito. O caso será investigado pela Polícia.
Um dos homens que teria agredido o vice-prefeito, segundo informações que circulam na cidade, se chama Elvis. Ele é funcionário da Secretaria de Ação Social do município e primo do prefeito Genival Menezes Delgado, com quem Tenório é rompido politicamente.

TCE-PE Julgar contas Irregulares e por unanimidade e sentencia ex-Vereador Dr.Waldemir Cursino da Cidade de Buíque


Pelo visto a tão comentada e polêmica “Ficha Limpa” já começou surti seus efeitos na cidade das sete maravilhas de Pernambuco. Em sessão ordinária realizada no dia 11/10/2011, uma auditoria especial realizada na Câmara de Vereadores de Buíque, sobre verba indenizatória na gestão do ex-presidente da casa, Dr. Waldemir Cursino Galvão, o TCE-PE encontrou diversas irregularidades e por unanimidade julgou irregular determinando na base da lei o ex-vereador a restituição aos cofres públicos do município. O montante num valor total de 20.356,78 (vinte mil trezentos e cinqüenta e seis reais e setenta e oito centavos), conforme informações extras obtidas por esta redação, o parecer do Tribunal de Contas do Estado é definitivo, uma vez que a Câmara de Vereadores de Buíque não pode votar as suas próprias contas.

Pedimos desculpas aos nossos leitores pela demora nas atualizações


Pedimos desculpas aos nossos leitores pela demora nas atualizações, pois estamos enfrentando problemas de conexão com a internet, dificultando assim as atualizações no blog.

A qualquer momento postaremos várias matérias de interesse de todos os buiquenses, sobre o mundo da política, educação, administração pública, entretenimento, cotidiano, personalidades, entre vários outros assuntos. Aguardem. e obrigado pela visita.

TOME UMA ATITUDE CONTRA O MOSQUITO

CONFIRA FOTOGRAFIAS DE UMA DAS SETE MARAVILHAS DE PERNAMBUCO